domingo, 14 de setembro de 2014

Adolescente pode ser preso por 2 anos por simular sexo com estátua de Jesus

Adolescente pode ser preso por 2 anos por simular sexo com estátua de Jesus
Um adolescente de 14 anos pode ser condenado à prisão nos Estados Unidos por simular um ato de sexo oral com uma estátua de Jesus. O adolescente fotografou o ato e compartilhou a foto em seu perfil no Facebook.
Nessa semana a foto publicada pelo jovem chegou até as autoridades da cidade de Everett, no estado da Pensilvânia. Na imagem o garoto aparece simulando o ato sexual com uma estátua de Jesus que fica localizada em frente a uma organização cristã da cidade. Por causa das fotos, as autoridades locais o acusaram de “profanação de objeto venerado”.


Acusado pelas autoridades locais, o adolescente pode ser condenado a passar até dois anos preso em um estabelecimento corretivo para jovens por “profanação”, que no estado é um crime definido como a “desfiguração ou danificação que pode afrontar a sensibilidade de pessoas capazes de observar ou descobrir a ação”.

Parábola do Filho Pródigo chega aos cinemas

Parábola do Filho Pródigo chega aos cinemas
O Filho Pródigo possivelmente seja a parábola bíblica mais conhecida. Esse é o tema do filme “Wayward: The Prodigal Son” que estreia em novembro nos Estados Unidos. Ainda não há previsão de quando chegará ao Brasil.
O filme conta a história de Tyler McMillan, um garoto rico e mimado que perde quase tudo, inclusive sua própria vida. O último desejo do pai de Tyler é ver o filho rebelde voltar para casa. O longa é estrelado por Landon Henneman (Tyler) e Rob Diamond (Robert, o pai de Tyler), além de Blake Webb, que vive Will (o irmão mais velho).
A produção independente é da Cedar Fort Entertainment e terá inicialmente uma distribuição limitada, mas pode repetir o sucesso de “Deus não está morto”, filme cristão de baixo orçamento que surpreendeu Hollywood com seu sucesso nas bilheterias.
Além de atuar, Diamond escreveu, dirigiu e produziu o filme. “Eu decidi filmá-lo por que essa história bíblica sempre tocou no fundo da minha alma”, explica. “Eu recebi perdão muitas vezes pelos erros que cometi na vida. É a história perfeita de amor, redenção e perdão.”
Família do Pródigo
Para Diamond o filme vai tocar um público diverso, mas que seu objetivo primeiro foi fazer algo para Deus. “Eu também fiz isso para quem gosta de histórias de redenção e aqueles que procuram um pouco de esperança e perdão em suas vidas”, enfatiza. Em sua opinião, a história é atemporal e o filme tenta dar um visual moderno para uma antiga verdade espiritual.

Trailer

VERSÃO IRÔNICA DA BÍBLIA


Versão irônica da Bíblia divide opinião de religiosos

“Deus e o diabo fizeram uma aposta louca”, é assim que começa a história de Jó no livro “God Is Disappointed in You”, uma Bíblia irônica ilustrada que foi lançada durante a Comic-Con 2014 que acontece em San Diego, nos Estados Unidos.
O livro é assinado por Mark Russell e ilustrada pelo cartunista Shannon Wheeler. A ideia do livro nasceu durante um bate papo entre os autores, como eles explicaram em entrevista ao portal UOL.
“Estávamos em um bar e o Shannon me disse que não entendia essa história. Aí eu expliquei para ele em poucas palavras”, disse Russell.
O livro traz o resumo dos 66 livros da Bíblia e todos possuem uma ilustração. No caso de Jó, Deus e o diabo estão sentados na mesa. No livro de Salmos, o Rei Davi aparece tocando um violão e o livro começa dizendo que ele era o mais famoso tocador de harpa da história.
A forma como os autores transcreveram a Bíblia desagradou diversos religiosos, tanto que na porta do evento alguns deles protestaram contra o livro, mas há alguns pastores que entenderam que a obra não tem o objetivo de ridicularizar a fé cristã.
“É um livro que promove o diálogo, e muitos religiosos não estão abertos a isso”, disse o pastor batista Mike Parnell que participou de um debate sobre o livro durante a Comic-Con. “Eu vejo por meio desse livro o que muitas pessoas se recusam a ver. A igreja tem machucado muita gente ao longo dos anos. E esse não é nosso papel. A igreja é um local de acolhimento e amor”, disse ele ao UOL.
Russell espera pelas críticas, mas se surpreendeu ao ver que muitos religiosos estavam procurando o livro para presentear amigos que não leriam a Bíblia tradicional.
“O importante é que as pessoas entenderam que não estamos ridicularizando as escrituras, mas tornando-as acessíveis para religiosos e não religiosos com uma linguagem contemporânea”, afirmou Wheeler.

Chile apoia trabalho espiritual em hospitais

Chile apoia trabalho espiritual em hospitaisChile apoia trabalho espiritual em hospitais
Enquanto no Brasil o governo tenta restringir a espiritualidade em comunidades terapêuticas mantidas pelas igrejas que recuperam dependentes químicos, no Chile ocorre o reconhecimento da importância da fé em tratamentos médicos.
A ministra da Saúde, Helia Molina, juntamente com o presidente do Conselho Nacional de Bispos da Igreja Evangélica, Jorge Mendez, estão apostando no sucesso do trabalho espiritual feito em hospitais públicos.
“A saúde espiritual e o amor que as pessoas demonstram nos hospitais é essencial. Como é importante para nós ajudar em todos os sentidos os pacientes para que possam se sentir em paz e espiritualmente acompanhados” afirmou Molina.
O bispo Mendez lembrou que o cuidado espiritual nos hospitais oferece benefício para os pacientes e suas famílias, e destacou o apoio dado pelo Ministro da Saúde. Desde 2008 existe no Chile o “Regulamento sobre Participação Religiosa nos Hospitais”, que garante acompanhamento aos pacientes de todas as religiões que solicitem. Além disso, os hospitais devem fornecer todas as condições necessárias para que isso aconteça.
Diferentes estudos já comprovaram os benefícios médicos da fé. “É científico que as pessoas que exercem a fé apresentam melhoras de saúde mais rápida, tempos mais reduzidos de internação… Os hospitais precisam começar a dar espaço para a fé”, pede o médico Claudio Lottenberg, ex-secretário municipal de saúde de São Paulo e atual presidente da rede de Hospital Albert Einstein.

MULHER ERA ASSEDIADA POR UM FANTASMA....






A britânica Deborah Rawson, 48, disse em entrevista ao jornal Mirror que sofria abusos de um fantasma viciado em sexo. Ela contou ainda que a entidade a perseguiu dentro de sua própria casa por um ano e quase arruinou seu casamento. Segundo relatos, ela ouvia gemidos de um casal, uma respiração ofegante em seu cangote e chegou a tirar uma foto do órgão sexual do espirito. Para se livrar do fantasma, ela e o marido resolveram mudar de casa.

sexta-feira, 12 de setembro de 2014

Prefeitura de São Paulo quer 3.500 casas para liberar megatemplo


Veja como ficou o Templo de Salomão, em São Paulo70 fotos

56 / 70
31.jul.2014 - Vídeo sobre a história de Salomão é exibido nas paredes do templo durante cerimônia de inauguração. O Templo do Salomão pertence a Igreja Universal do Reino de Deus, e fica localizado na avenida Celso Garcia, na região do Brás, no centro de São Paulo (SP) Leia mais Leandro Martins/Futura Press/Estadão Conteúdo
Um mês e meio após a festa de inauguração, a Prefeitura de São Paulo quer exigir da Igreja Universal a construção de 3.500 moradias populares para regularizar o Templo de Salomão, erguido no Brás, centro da cidade.
O maior espaço religioso do país, com 100 mil m² de área construída, teve as portas abertas com o respaldo de um alvará provisório emitido pela gestão de Fernando Haddad (PT) em 19 de julho - 13 dias antes da abertura.
A nova contrapartida foi sugerida pela Secretaria de Licenciamento em documento já enviado ao Ministério Público Estadual, que investiga a construção do templo desde fevereiro.
No inquérito instaurado pelo promotor de Justiça Maurício Antonio Ribeiro Lopes são apuradas algumas supostas irregularidades, como o fato de a Igreja ter sido construída com base em um alvará de reforma.
A exigência aventada pela prefeitura, no entanto, diz respeito a outra regra que teria sido burlada pela Universal. O zoneamento onde está o templo foi definido pelo Plano Diretor de 2004 como Zona Especial de Interesse Social (Zeis). Por isso, a área deveria ser reservada à construção de moradias populares, o que não ocorreu.
Com o templo erguido, os vereadores regularizaram o espaço durante a votação do novo Plano Diretor. Em 30 de junho deste ano, ficou definido que a área não mais seria classificada como Zeis, em uma tentativa de anistiar a Universal. Os parlamentares da base aliada do governo na época justificaram que não fazia mais sentido manter o zoneamento porque a obra já estava pronta.
A decisão ainda atendeu à pressão de um dos principais grupos do Legislativo Municipal: a bancada evangélica, hoje com dez representantes. São vereadores eleitos com o apoio de fiéis da Igreja Mundial, da Igreja da Graça, da Bola de Neve e da Assembleia de Deus, além da própria Universal.
Durante a negociação, todos os vereadores receberam convites para a inauguração, que ocorreu em 31 de julho com a presença da presidente Dilma Rousseff (PT).

Contrapartida

Acionada pela Promotoria de Habitação e Urbanismo, a prefeitura agora quer assegurar que o Templo de Salomão oferecerá as contrapartidas sociais que deveriam ter sido cobradas em agosto de 2008, quando a igreja protocolou o pedido oficial de construção.
Pelas regras do Plano Diretor em vigor durante toda a obra, a Igreja deveria construir conjuntos de habitação social para ao menos 400 famílias, se quisesse obter autorização para atuar em área de Zeis. A condição, no entanto, não foi cumprida e, mesmo sem erguer nem sequer uma moradia, a obra do Templo de Salomão foi autorizada em 22 de outubro de 2008. O Ministério Público Estadual investiga se houve irregularidade na emissão das licenças e na construção.
Ampliar

Conheça alguns dos maiores templos do mundo18 fotos

17 / 18
Conhecida no Brasil como Igreja do Evangelho Pleno, a Yoido Full Gospel pode receber até 15 mil pessoas em seu auditório Yoido Full Gospel Church/Divulgação

MP quer acordo

O promotor Maurício Ribeiro Lopes se reuniu na segunda-feira com representantes da Igreja Universal, na tentativa de assinar um Termo de Ajustamento de Conduta (TAC). O objetivo é restabelecer parte das contrapartidas não exigidas durante o processo de obra, além de amenizar os impactos no trânsito local. Procurado, Lopes não quis revelar o teor das propostas apresentadas à igreja. Já a Universal afirmou, por meio de nota oficial, que só vai se manifestar sobre a proposta apresentada pelo Ministério Público Estadual no momento oportuno. As informações são do jornal "O Estado de S. Paulo".
Templo de Salomão em números
  • 35 mil metros quadrados de terreno
    equivalente a 5 campos de futebol e a 1/4 do Parque da Independência (SP)
  •  
  • 100 mil metros quadrados de obra
    cerca de 1/4 do maior shopping do país e do tamanho aproximado do Maracanã
  •  
  • 11
    pavimentos
  •  
  • 4
    anos para concluir a construção
  •  
  • 2.000 toneladas
    de aço utilizadas na obra
  •  
  • 145 mil
    sacos de cimentos usados para a construção
  •  
  • 54 metros de altura
    maior do que o Cristo Redentor (RJ)
  •  
  • 40 mil metros quadrados
    de pedras usadas na construção e decoração vieram de Hebron, em Israel
  •  
  • 10 mil
    lâmpadas de LED no salão principal
  •  
  • 42
    altofalantes instalados no teto do salão principal
  •  
  • 12
    oliveiras importadas do Uruguai, para a reprodução do Monte das Oliveiras
  •  
  • 60
    apartamentos disponíveis para pastores;um deles para o bispo Edir Macedo
  •  
  • 2.000 vagas de estacionamento
    cerca de 1/3 das vagas do estacionamento de um grande shopping
  •  
  • 10 mil pessoas sentadas
    cerca de 1/5 da capacidade da Arena Corinthians na configuração após a Copa
  •  
  • R$ 680 milhões
    6 vezes o valor de um hospital e 378 vezes o valor de uma escola infantil
  •  
  •  
  • R$ 2, 4 millhões
    de impostos pagos para a importação de pedras, após isenção ser negada
  •  
  • R$ 0
    valor do IPTU/ano, que não será pago por tratar-se de instituição religiosa

Foi na Cruz – DigitalBomb